Música

Bomba! MC Créu perde processo por crime de ameaça movido contra Naldo Benny

Segundo a renomada jornalista Newma Santiago do Observatório dos Famosos, o funkeiro MC Créu perdeu o processo por crime de ameaça movido contra o também cantor Naldo Benny. A polêmica entre os dois artistas iniciou após Créu falar mal de Ellen Cardoso, a Moranguinho, esposa de Naldo, enquanto ela estava confinada em A Fazenda 14.

Naldo publicou nas redes sociais um vídeo, defendendo a esposa e ameaçando o DJ, onde dizia que iria atrás de MC Créu para agredí-lo fisicamente. Créu afirmou que seus filhos menores tiveram acesso ao vídeo, o que gerou medo em relação à própria segurança. Desde então, o funkeiro movia o processo contra Naldo.

A juíza inicialmente concedeu uma liminar favorável a MC Créu, mas a decisão foi revertida. A juíza decidiu encerrar o processo com causa ganha ao Naldo Benny, alegando que as ofensas foram recíprocas e iniciadas pelo próprio MC.

Os advogados Emerson Mazzini e Marcos Ferreira, do escritório Mazzini e Ferreira, esclarecerem que a ação movida pelo Mc Créu em face do Naldo foi julgada improcedente sob o fundamento de que o desentendimento entre as partes ocorreu mediante ofensas recíprocas, iniciadas pelo Mc Créu, expressadas no calor da discussão de forma impensada, que afastam o dever de indenizar.

Até o fechamento da matéria, Mc Créu foi procurado, porém não foi encontrado.

A situação gerou uma grande polêmica nas redes sociais e na mídia em geral, com muitas pessoas opinando sobre o assunto. O caso mostra a importância do cuidado com as palavras e das consequências que elas podem gerar, especialmente em um mundo cada vez mais conectado e com grande poder de alcance por meio das redes sociais.

Thiaggo Camilo - @thiaggocamilo

Jornalista e assessor de imprensa. Foi jurado do quadro musical do programa Mais Show com Danny Pink na Rede Vida. Colunista do Tô Na Fama!, portal parceiro de conteúdo do IG. Atualmente está a frente da sua agência de comunicação e licenciamento. Instagram e Twitter @thiaggocamilo
Botão Voltar ao topo