Música

Com coleção de NFTs inspirada na Amazônia, Yohan anuncia álbum “Arrasany 3.0”

Em parceria com Dan Murata, “Arrasany” - que encerra o álbum - chega a todos aplicativos de música nesta quinta-feira, 16 de março. Em abril, o álbum se transforma em NFTs que serão vendidos para ajudar na preservação da Amazônia

YOHAN (Yohan Tanaka) completa nesta semana um álbum que já é sucesso. “Arrasany 3.0” chega a todos aplicativos de música nesta quinta-feira, 16 de março, após o sucesso dos singles “Mais uma Vez”, parceria com Piettro (finalista do Canta Comigo), “Mais uma Noite (Sem Fim)” e a empolgante “Brilha como Ouro” com ninguém menos que a rainha do rebolado: Gretchen. O álbum apresenta seis canções, incluindo a faixa título inédita “Arrasany” em parceria com Dan Murata.

Composta pelo próprio YOHAN e produzida por Sanvtto – que já trabalhou com Linn da Quebrada, Jup do Bairro, Cyberkills, entre outros – ,a canção que dá nome ao projeto é um Pop Funk com influências do Ballroom, ritmo perfeito para se jogar na pista. “Eu compus a faixa título ‘Arrasany’ logo após voltar ao Brasil em 2016. Naquele momento de transição, recém chegado e estrangeiro na minha própria terra, o medo do novo, do inesperado, do desconhecido quase me fizeram desistir da música e da arte. Passei por muito perrengue, mas a vontade de vencer o jogo falou mais alto e eu entendi que na verdade eu sempre arrasei, eu arraso e vou sempre arrasar!”, afirma o artista.

Assim como os demais lançamentos, a faixa chega com um clipe animado, desenvolvido por Matheus Xavier e dirigido por YOHAN. “Tem uma mensagem voltada ao conceito do álbum que fala sobre os problemas enfrentados na Amazônia como queimadas, desmatamento e garimpo ilegal”, explica.

Sobre o álbum, que chega ainda com mais cinco singles já lançados, YOHAN afirma que é uma extensão de seu primeiro projeto lançado em português “Arrasany”, de 2020. Desde o início eu quis criar um disco que representasse a minha volta ao Brasil. Fui atrás da nossa diversidade artística, dos inúmeros ritmos regionais e da estética tropical. Eu misturei toda essa riqueza cultural junto com a minha personalidade pop, minhas referências mundanas e toda minha bagagem na arte. Assim nasceu o álbum ‘Arrasany’. ‘Arrasany 3.0’ é o irmão gêmeo que demorou pra nascer! “3.0” além de significar a entrada de uma nova década pra mim como Yohan Tanaka, também define a identidade visual do projeto: vivemos na “web 2.0”, porém com a pandemia e o avanço abrupto da internet e da era digital, começamos a ser apresentados à “web 3.0” (Criptomoedas, NFTs, Metaversos). Nesses últimos 2 anos, eu mergulhei de cabeça nesse novo mundo e comecei a investir. Descobri novos horizontes, oportunidades e desafios! ‘Arrasany 3.0’ é o meu Metaverso em forma de música, arte, tecnologia e crítica sócio-ambiental”, finaliza.

Capas se transformam em NFTs

Com todo o conceito de tecnologia e meio ambiente, YOHAN transformará as capas de cada faixa e do álbum em NFTs que, além de ganhar uma animação, também terão um pedaço de cada faixa em looping. Os NFTs serão mintados e ficarão à venda em galerias digitais a partir de abril. A cada venda, uma % dos lucros será doada automaticamente para a preservação da Floresta Amazônica.

Thiaggo Camilo - @thiaggocamilo

Jornalista e assessor de imprensa. Foi jurado do quadro musical do programa Mais Show com Danny Pink na Rede Vida. Colunista do Tô Na Fama!, portal parceiro de conteúdo do IG. Atualmente está a frente da sua agência de comunicação e licenciamento. Redes sociais @thiaggocamilo | @thiaggocamilopress

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo