Famosos

Famosos sepultados no cemitério do Morumbi

Muitos famosos estão sepultados no cemitério do Morumbi e o espaço acabou se tornando uma atração turística da cidade, sendo um dos mais visitados em diferentes épocas do ano, oferecendo localização geográfica superior e um estilo arquitetônico distinto.

Este cemitério se destaca por ser um cemitério-jardim e suas sepulturas são cobertas com grama e placa de identificação, onde a principal característica é o formato arredondado da lápide, que torna o local mais amplo. Por isso, é considerado o primeiro cemitério-parque da América do Sul.

Assim, esse espaço é conhecido por abrigar famosos morreram e foram sepultados no cemitério do Morumbi, deixando uma profunda impressão na história da arte, política e círculos intelectuais. E quem são eles?

Vamos começar falando do mais famosos deles: Ayrton Senna, o piloto de Fórmula que morreu em um acidente, durante o Grande Prêmio de San Marino de 1994. Este recebeu inúmeras coroa de flores na ocasião do enterro.

Com o sepultamento do piloto, o cemitério do Morumbi ficou internacionalmente conhecido. No feriado do dia 02 de novembro (finados), o cemitério recebe diversos fãs. O gramado próximo ao sepultamento do piloto chega a ficar marcado com os passos dos fãs, que fazem fila para visitar o seu ídolo.

Na área musical, temos a cantora Elis Regina (1945-1982), considerada por muitos a melhor cantora popular do Brasil das décadas de 60, 70 e 80. Morreu em 19 de janeiro de 1982, aos 36 anos de idade devido a Intoxicação por Combinação de Remédios.

Também, o cantor Jair Rodrigues (1939-2014) que morreu no dia 08 de maio de 2014, aos 75 anos, de infarto agudo do miocárdio é outro famosos sepultado no cemitério do Morumbi.

Já representando a TV brasileira, temos o ator e comediante Ronald Golias (1929-2005), considerado um dos pioneiros da televisão no país, célebre pelo personagem Bronco na Família Trapo, Clodovil Hernandes (1937-2009), estilista, ator, apresentador de televisão e político brasileiro e sem falar de Hebe Camargo (1929-2012), que morreu aos 83 anos, no dia 29 de setembro de 2012, em São Paulo, devido a uma parada cardiorrespiratória, decorrente de câncer, enquanto dormia. Foi apresentadora de TV, cantora e atriz.

Na área da política, o ex-governador de SP, Orestes Quércia (1938-2010), filiado ao Partido do Movimento Democrático Brasileiro (PMDB) e também está sepultado no cemitério do Morumbi.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo