Noticias

Globo faz ativações no Festival do Rio com pré-estreias de filmes e série, além de participação em painéis

A Globo está presente na 25ª edição do Festival do Rio, que ocorre de 5 a 15 de outubro, com as marcas Globo Filmes , GloboplayCanal BrasilTelecineTV Globo e GloboNews, demonstrando como a força de seu portfólio impulsiona a produção e a divulgação de grandes histórias brasileiras, ajudando a levar o cinema nacional a um público cada vez mais amplo. Além de pré-estreias de séries e filmes, a Globo participa de 10 mesas no RioMarket, área de negócios do Festival.

Comemorando 25 anos como uma das maiores incentivadoras do cinema brasileiro, com mais de 260 milhões de público acumulado em 500 longas, a Globo Filmes tem 15 filmes selecionados para o Festival, sendo nove dirigidos ou codirigidos por mulheres. Para a mostra Première Brasil – Competição, a principal do evento, quatro obras foram selecionadas na categoria Longas de Ficção: “Pedágio”, de Carolina Markowicz, também selecionado para o Festival de Toronto (TIFF) deste ano; “A Batalha da Rua Maria Antônia”, de Vera Egito; “A Festa de Léo”, de Luciana Bezerra e Gustavo Melo; e “As Polacas”, de João Jardim. Já na categoria Longas Documentários, a coprodutora tem duas indicações em coprodução com a GloboNews: “Assexybilidade”, de Daniel Gonçalves; e “Othelo, o Grande” (coprodução Canal Brasil), de Lucas H. Rossi dos Santos. 

Na seleção especial Hors Concours, a Globo Filmes conta com “Mussum, o Filmis”, de Sílvio Guindane (coprodução com o Globoplay e o Telecine, o filme foi o grande vencedor do Festival de Gramado, com seis Kikitos); “Meu Nome é Gal”, de Dandara Ferreira e Lô Politi; e “O Diabo da Rua no Meio do Redemunho” (coprodução Canal Brasil), de Bia Lessa. Na categoria Longas da Première Brasil – Competição Novos Rumos, foram duas indicações: “Eu sou Maria”, de Clara Linhart; e “Iracemas”, de Tuca Siqueira. 

Três documentários, também coproduzidos com a GloboNews, serão exibidos no Festival na categoria longas da Première Brasil Retratos: “Nelson Pereira dos Santos – Uma Vida de Cinema”(coprodução Canal Brasil), de Ivelise Ferreira e Aída Marques, que concorreu ao prêmio L’oiel D’or e esteve presente na Seleção Oficial do Festival de Cannes; “Roberto Farias – Memórias de um Cineasta” (coprodução Canal Brasil), de Marise Farias; e “Samuel Wainer” (coprodução Canal Brasil), de Dario Menezes. Já em Itinerários Únicos, a coprodutora tem uma indicação com “Raoni, Uma Amizade Improvável” (coprodução Canal Brasil), de Jean-Pierre Dutilleux.

Globoplayfará a pré-estreia de série documental original ‘Resistência Negra’, no Cine Odeón, com a presença da cantora Larissa Luz e do rapper Djonga. A produção traz um recorte sobre a história dos movimentos negros no Brasil desde as primeiras revoltas anti-escravocratas no Brasil colônia, com destaque para a história do Quilombo de Palmares ea  aprovação da Lei de Cotas Raciais. A estreia está prevista para novembro na plataforma. 

Canal Brasil  também participa do Festival com a pré-estreia da série “João sem Deus”, no Cine Odeon,  e de filmes como ‘Levante’, de Lillah Halla  – Première Nacional. Na Première Mundial , os longas ‘O Dia Que Te Conheci’, de André Novais Oliveira,   ‘Mensageiro’, de Lúcia Murat, ‘Leme do Destino’, de Julio Bressane, ‘Nada Será Como Antes’, de Ana Rieper,  ‘Atmosfera’, de Paulo Caldas e ‘Nas Ondas de Dorival Caymmi’, de Locca Faria. ‘Nas Pegadas de Mengele’, de Alejandro Venturini e Tomás de Leone (Brasil/Argentina) também será exibido.

Para entrar no clima do Festival do Rio, o Telecine Cult exibe uma maratona de longas que já foram selecionados em outras edições do evento. Abrindo a programação, no dia 05,  às 17h45, é exibido ‘Um Herói’, filme franco-iraniano indicado à Palma de Ouro, em 2021, e ao Globo de Ouro de melhor filme estrangeiro em 2022. Depois, às 20h, é exibido ‘O Contador de Cartas’, filme dirigido por Paul Schrader e estrelado por Willem Dafoe que concorreu ao Leão de Ouro em 2021. Às 22h, estreia no canal ‘Assunto de Família’, longa de Hirokazu Kore-Eda que foi consagrado com a Palma de Ouro, em 2018, e que foi indicado ao Oscar de melhor filme estrangeiro em 2019. À 00h10, vem a última atração da noite: ‘Benedetta’, título de Paul Verhoeven que disputou o principal prêmio de Cannes em 2021. O especial terá uma segunda parte que será exibida na terça-feira (dia 10). Às 20h, é exibido ‘Monica’, filme de Andrea Paollo indicado a três prêmios do Festival de Veneza em 2021. Depois, às 22h, é apresentado ‘Retrato de Uma Jovem em Chamas’, drama com temática LGBT+ premiado com a Palma Queer em 2019. Fechando a programação, à 00h10, vem ‘Belfast’, filme agraciado com uma estatueta do Oscar® na categoria de Melhor Roteiro Original em 2022.

A Globo terá também a participação em 10 paineis do Rio Market, a área de negócios do Festival do Rio. Confira abaixo a agenda:

05/10

16h – Globo Filmes e Telecine apresentam: Diversidade Feminina no audiovisual. Participantes: Simone Oliveira (head da Globo Filmes), Carolina Rapp (gerente de conteúdo da Globo Filmes), Laís Bodanzky (cineasta) e Sabrina Fidalgo + mediação de das apresentadoras do Telecine Renata Boldrini e Bruna Scot

06/10 

14h – Globoplay: Como tornar seu conteúdo relevante para o streaming.  Participante: Tiago Ornaghi (gerente de conteúdos documentários do Globoplay).

07/10

16h – GloboNews: A marca do jornalismo na cadeia do audiovisual. Participantes: Julia Duailibi (jornalista da GloboNews), Marita Graça (editora da GloboNews) e Sandra Kogut (cineasta).

17h – Globoplay: Documentário Vale dos Isolados e Jornalismo Investigativo . Participação: Sônia Bridi (jornalista da Globo)

08/10

14h – Globoplay: Workshop Resistência Negra. Participação: Mayara Aguiar (diretora), Ivanir dos Santos (professor) e Paulo Lins (autor).

17h – Sunset TV Globo: Projeto Ritmo de Natal – Primeiro filme produzido pelos Estúdios Gobo. Participação: Allan Fiterman, Juan Juliann, Leo Lanna, Isacque Lopes e Clara Moneke.

09/10

14h – Globo Filmes e Instituto de pesquisa Casa Mundo: apresentação da última pesquisa sobre cinema e novos hábitos. Participação: Simone Oliveira (head da Globo Filmes), AdrianaHack (Instituto Casa Mundo), mediação de Gabriel Casotti (pesquisa Globo).

15h – Decodificando o Brasileiro e o consumo de filmes. Participação: Suzana Pamplona (diretora de pesquisa da Globo).

17h30 – TV Globo: A importância da programação de filmes nacionais na TV aberta para aumento de público na sala de cinema nos filmes brasileiros. Participação: Gabriel Jácome (diretor de conteúdo da TV Globo) e Maria Beltrão, apresentadora da TV Globo. 

image 1

Thiaggo Camilo - @thiaggocamilo

Jornalista e assessor de imprensa. Foi jurado do quadro musical do programa Mais Show com Danny Pink na Rede Vida. Colunista do Tô Na Fama!, portal parceiro de conteúdo do IG. Atualmente está a frente da sua agência de comunicação e licenciamento. Redes sociais @thiaggocamilo | @thiaggocamilopress

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo