Televisão

Iris Abravanel vai pela primeira vez ao The Noite nesta quinta-feira (17)

Nesta quinta-feira, 17 de agosto, Danilo Gentili conduz uma das entrevistas mais importantes da história do The Noite. Em virtude das comemorações pelos 42 anos do SBT, o apresentador receberá Iris Abravanel em seu talk show pela primeira vez, após anos de tentativas. Autora das novelas infantis mais assistidas do Brasil nas duas últimas décadas, ela fala na entrevista sobre como decidiu ingressar nesta área, as dificuldades que enfrentou e detalhes de seu trabalho, que hoje chama a atenção das maiores plataformas de vídeo do mercado. A convidada também recebe um presente especial de Danilo, que a entrega uma caneta-tinteiro vintage de pena, além de um outro presente do humorista para Silvio Santos, um broche banhado a ouro em formato de aviãozinho.

Confira as melhores frases da entrevista:

O perdão é um dos focos da novela. A gente aprender a perdoar. Eu acho que o perdão liberta. É isso que eu quero passar: a importância do perdão na vida das famílias, das pessoas…. (Escrevi na novela) como deveria ser (a vida). Como eu tento fazer a minha família e ensinar para as minhas filhas como deve ser”. (sobre ‘A Infância de Romeu e Julieta’)

À medida que ele (diretor) vai gravando, ele vai mandando e eu vou dando uma olhada. De vez em quando eu faço um teste com meus netos, ‘olha aqui, como é que tá? ’. Tenho que acompanhar”. (sobre ‘A Infância de Romeu e Julieta’)

“Quando eu tinha uns 12 anos eu ganhei o livro da Pollyanna e aquilo me impressionou muito, transformar as coisas ruins. É um exercício, você vai fazendo o exercício e dá certo, porque você começa a ver a vida de outro ângulo. Porque não é só ruim, tem as coisas boas.”.

Sim, porque a gente cria o personagem e a gente quer ver quem vai interpretar. A diretora de elenco escolhe, separa uns três ou quatro testes, me manda eu assisto todos e escolho.” (se participa da escolha do elenco)

Eu sempre escrevi, tinha uma coluna na Contigo. Fazia matéria semanal sobre o cotidiano, a vida de dona de casa e tal. Aí meu marido chamou o pessoal da Globo. Ele precisava de autores para o SBT. Eu sei que eles fizeram contrato – isso daí eu acompanhei porque foi tudo em casa – fizeram contrato, assinaram contrato e depois a Globo chamou de volta. Não sei se eles pagaram multa, ou não, mas voltaram todos para a Globo. E o Walcyr Carrasco estava junto, também. E ele não veio…. Aí eu fiquei ‘nossa, ninguém quer fazer novela. E se eu fizesse uma novela?”. Ele falou “é, você escreve bem, por que você não faz?”. Aí, imagina, entre o ‘por que você não faz?’ e fazer, gente, vocês não têm noção do que é escrever. É uma engenharia escrever novela. Você entra em um Boeing, sem saber, no ar, o piloto morreu e você tem que pilotar e aterrissar. É o mesmo pavor, a mesma coisa”.

Quando me falaram que eu ia ter que fazer a coletiva de imprensa, eu falei ‘não’. Porque eu não tenho jeito para falar em público. Eu escrevo, mas não falo tão bem. Nunca fiz curso de oratória, porque sempre falei com o coração. Minhas filhas, também. Falei ‘então vamos falar com o coração’ do que ficar fazendo curso”.

Depois que eu falei para o Silvio de fazer a novela e ele falou ‘vai em frente’, aí eu vim conhecer o departamento de teledramaturgia. E fui na cidade cenográfica e aquilo apertou meu coração, estava virando poeira. Tinha só um bonde que estava legal. Era a cenografia ainda de Éramos Seis. Vi aquilo se deteriorando, aí chegou o (colaborador) Mineirinho e falou ‘olha, mas o bonde está direitinho’. Tanto é que eu coloquei o bonde na novela para prestigiar o Mineirinho. Aí eu falei ‘Mineirinho, não vou conseguir fazer’. Ele falou assim ‘Dona Iris, se a senhora não conseguir fazer, quem é que vai fazer, aqui? Isso aqui está morrendo’. Aí me deu esse aperto no coração. Falei ‘nossa, teledramaturgia no SBT está definhando, está morrendo, não tem vida’. Os corredores aqui não tinham cenografia, uma coisa meio morta. Falei ‘não, vamos trazer vida para cá’. E foi ‘Revelação’. O nome foi até meu marido que deu. “

Acho que, nos últimos 5 anos, ficou mais difícil. Antes era autógrafo, agora tem que tirar foto. Aí você não dá um passo sem tirar uma foto. Mas a gente consegue. Dependendo do horário a gente vai em supermercado. Parque (de diversões) a gente não vai mais. Desde que as meninas eram pequenininhas a gente ia para parque. O que ele (Silvio) curte mesmo é ficar em casa, comer doce”. (sobre conseguirem descansar na Flórida)

O The Noite é apresentado por Danilo Gentili e vai ao ar de segunda a sexta-feira, no SBT. Quinta, a partir de 00h45.

Thiaggo Camilo - @thiaggocamilo

Jornalista e assessor de imprensa. Foi jurado do quadro musical do programa Mais Show com Danny Pink na Rede Vida. Colunista do Tô Na Fama!, portal parceiro de conteúdo do IG. Atualmente está a frente da sua agência de comunicação e licenciamento. Redes sociais @thiaggocamilo | @thiaggocamilopress

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo