Coluna Rodrigo Teixeira

Rio: Fórum ‘Cultura+Diversidade’ oferece cursos e empregos na Biblioteca Parque

Evento vai reunir mulheres, pessoas pretas, LGBTQIA+, jovens, 50+, PcDs, migrantes e refugiados, povos originários e tradicionais, pré e egressos do sistema prisional.

Lançado em 2017, o Fórum ‘Cultura+Diversidade’ chega a sua 10ª edição, e pelo sexto ano seguido será realizado na cidade do Rio de Janeiro.  A iniciativa, que já faz parte do calendário oficial de eventos do Estado, é uma ação independente. E será realizado na Biblioteca Parque Estadual, no Centro do Rio, nos dias 28 e 29 de novembro, a partir das 10h. Neste ano, o ‘Circuito Dia D’, do Instituto Rede Incluir, também irá participar do Fórum, levando diversas vagas para pessoas com deficiência e reabilitados pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS).

“A ação do Fórum propõe ser um espaço de acolhimento e integração de diferentes ações sociais. É um espaço representativo de fala para todas as ações de capacitação, empregabilidade e apoio ao empreendedorismo com foco em todas as expressões de diversidade”, destaca José Carlos, presidente da Drum Brasil, realizadora do Fórum.

Oportunidades
Na ocasião, mais de 20 empresas, entidades e secretarias parceiras participarão da iniciativa. Serão apresentadas dezenas de iniciativas nos diversos pilares da capacitação, ofertas de emprego. E, nesta edição, uma novidade, a Cultura Maker, Ciência, Tecnologia e Robótica para Jovens se fará presente. Também serão apresentadas boas práticas ambientais, sociais e de governança de uma organização (ESG) para jovens e crianças. Serão mais de 300 vagas.

“A maior restrição de liberdade e prosperidade de um ser e um povo, não é a que lhe retiram, mas aquela que se impõe pela condução da mente. Quais se destacam? Ainda é cedo para pontuar, ainda é prematuro para abordar destaques. Não há destaques. Há muito trabalho e muito que se mudar. Somos o Fórum Cultura + Diversidade e acreditamos na verdadeira agenda de transformação social pela inovação, cultura, educação, novos comportamentos inclusivos e transformação final como processo”, diz José Carlos.

O ‘Circuito Dia D’ no Fórum
A ação ‘Circuito Dia D’, do Instituto Rede Incluir, já é conhecida pela inclusão de pessoas com deficiência no mercado de trabalho e será realizada em conjunto com o Fórum ‘Cultura+Diversidade 2023’. O Circuito é um evento organizado pela Rede Incluir, a Superintendência Regional do Trabalho, Ministério Público do Trabalho e em parceria com a Drum Brasil.

Vagas
Nesta edição ‘Fórum Cultura+Diversidade’, serão oferecidas mais de 300 vagas de empregos em áreas diversas em mais de 30 empresas.

Confira a programação do Fórum
O Fórum ‘Cultura+Diversidade’ começa a partir das 9h com o credenciamento dos participantes e visitantes. E esse credenciamento ficará ativo durante todo o evento até às 17h. Também durante esse período será realizada a Feira de Empregos e Capacitação.

A partir das 10h começarão os painéis de debate, oficinas que poderão ser conferidas em nosso site www.forumculturamaisdiveraidade.org Festival Literário ‘Rio Diversidade’, que vai rolar o dia todo até às 17h.

Na terça, dia 28, o evento começa com a Mesa de Abertura que vai até às 11h. Depois terão diversos painéis ao longo do dia. Confira a lista abaixo:

11h às 12h15: Painel 1 – Inovação e diversidade como ferramenta de transformação.

Reunindo representantes de entidades e empresas ligadas às áreas de inovação e tecnologia, este painel vai debater de que maneira estratégias de inclusão podem ser poderosas ferramentas na contribuição para um mundo cada vez mais conectado e plural.

14h às 15h30: Painel 2 – A diversidade na construção dos Destinos e como fator de estímulo ao Turismo.

Neste painel vamos apresentar iniciativas de entidades e agentes diversos que, pelo olhar e ações de acolhimento e apoio à projetos voltados à qualificação do setor com foco na diversidade, estimulam ambientes e relações mais acolhedoras, promovendo melhores destinos e entregas no campo do Turismo.

15h30 às 17h: Painel 3 – Da Geração Z aos 50+ – desafios e oportunidades da intergeracionalidade.

A Geração Z (nascidos entre 1995 e 2010) vêm provocando grandes transformações num mercado de trabalho em que a expectativa de tempo de serviço aumenta cada vez mais. Este painel vai debater as principais características deste mercado intergeracional, marcado por profissionais engajados em pautas sociais e de sustentabilidade, integrando experiência e maior habilidade com tecnologia, e o papel das empresas na atração e retenção destes talentos.

No dia 29, quarta-feira, o evento retorna com mais uma maratona de painéis:

10h às 12h: Painel 4 – Combate ao Bullying e outros desafios para uma educação inclusiva.

Neste painel vamos apresentar a importância da educação inclusiva no combate ao bullying e da implementação do ensino afro-indígena na rede escolar, debater os desafios enfrentados pelos profissionais de ensino e o que pode ser feito para evitar o crescente número de ataques ocorridos nas escolas.

Este painel se divide em duas etapas:
Etapa 1 – Das 10h às 11h – Combate ao preconceito na primeira infância
Etapa 2 – Das 11h às 12h – Como atuar na conscientização de jovens e adultos?

14h às 15h30: Painel 5 – Visibilidade e potência.

Este painel vai reunir importantes expressões das causas sociais e da diversidade que jogam luz sobre segmentos constantemente invisibilizados da sociedade, apresentando suas experiências de vida e de trabalho como potências inspiradoras.

15h30 às 17h: Painel 6 – Transversalidade inclusiva: Estratégias de integração dos pilares da diversidade.

Um painel que representa o nosso Fórum, de grande complexidade e provocação, este painel vai reunir representantes do movimento negro, da comunidade LGBTQIA+, das pessoas com deficiência, da diversidade etária, povos diversos, de gênero e demais segmentos inclusivos para traçarem estratégias de integração dessas causas, apostando na transversalidade como valor.

Também terá a Sala Multiuso com diversas oficinas:

Dia 28/11 – Terça-feira
11h às 12h: Oficina 1 – Autismo na Idade Adulta
13h às 14h: Stand-up Comedy: Como superar, inovar e construir
14h às 15h: Roda de Conversa – Da Exclusão à valorização: A jornada das pessoas com deficiência rumo à empregabilidade
15h às 16h: Oficina 2 – Tecnologia na palma das mãos para idosos
16h às 17h: Oficina 3 – Etarismo e as dificuldades na empregabilidade dos idosos

Dia 29/11- Quarta-feira
10h às 12h: A importância do autoconhecimento na formação de novos líderes geracionais.

Roda de conversa com a consultoria de gestão da intergeracionalidade Pontes & Conexões.

A ação ‘Cultura Maker – Meninas Pretas das Favelas na Ciência, Tecnologia e Robótica’ funcionará nos dois dias de evento. Contará com palestras, oficinas, workshops e espaço de conhecimento. Funcionará das 10h às 17h30, nos dias 28 e 29 de novembro. Consulte toda programação da ação no site oficial: www.culturamaker.org.br
 
Serviço

Evento:Fórum ‘Cultura+Diversidade 2023.
Dias 28 e 29 de novembro.
Horário: 10h
Endereço: Biblioteca Parque Estadual, na Av. Pres. Vargas, 1261, centro do Rio.


Evento vai reunir mulheres, pessoas pretas, LGBTQIA+, jovens, 50+, PcDs, migrantes e refugiados, povos originários e tradicionais, pré e egressos do sistema prisional.
 

Lançado em 2017, o Fórum ‘Cultura+Diversidade’ chega a sua 10ª edição, e pelo sexto ano seguido será realizado na cidade do Rio de Janeiro.  A iniciativa, que já faz parte do calendário oficial de eventos do Estado, é uma ação independente. E será realizado na Biblioteca Parque Estadual, no Centro do Rio, nos dias 28 e 29 de novembro, a partir das 10h. Neste ano, o ‘Circuito Dia D’, do Instituto Rede Incluir, também irá participar do Fórum, levando diversas vagas para pessoas com deficiência e reabilitados pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS).

“A ação do Fórum propõe ser um espaço de acolhimento e integração de diferentes ações sociais. É um espaço representativo de fala para todas as ações de capacitação, empregabilidade e apoio ao empreendedorismo com foco em todas as expressões de diversidade”, destaca José Carlos, presidente da Drum Brasil, realizadora do Fórum.

Oportunidades
Na ocasião, mais de 20 empresas, entidades e secretarias parceiras participarão da iniciativa. Serão apresentadas dezenas de iniciativas nos diversos pilares da capacitação, ofertas de emprego. E, nesta edição, uma novidade, a Cultura Maker, Ciência, Tecnologia e Robótica para Jovens se fará presente. Também serão apresentadas boas práticas ambientais, sociais e de governança de uma organização (ESG) para jovens e crianças. Serão mais de 300 vagas.

“A maior restrição de liberdade e prosperidade de um ser e um povo, não é a que lhe retiram, mas aquela que se impõe pela condução da mente. Quais se destacam? Ainda é cedo para pontuar, ainda é prematuro para abordar destaques. Não há destaques. Há muito trabalho e muito que se mudar. Somos o Fórum Cultura + Diversidade e acreditamos na verdadeira agenda de transformação social pela inovação, cultura, educação, novos comportamentos inclusivos e transformação final como processo”, diz José Carlos.

O ‘Circuito Dia D’ no Fórum
A ação ‘Circuito Dia D’, do Instituto Rede Incluir, já é conhecida pela inclusão de pessoas com deficiência no mercado de trabalho e será realizada em conjunto com o Fórum ‘Cultura+Diversidade 2023’. O Circuito é um evento organizado pela Rede Incluir, a Superintendência Regional do Trabalho, Ministério Público do Trabalho e em parceria com a Drum Brasil.

Vagas
Nesta edição ‘Fórum Cultura+Diversidade’, serão oferecidas mais de 300 vagas de empregos em áreas diversas em mais de 30 empresas.

Confira a programação do Fórum
O Fórum ‘Cultura+Diversidade’ começa a partir das 9h com o credenciamento dos participantes e visitantes. E esse credenciamento ficará ativo durante todo o evento até às 17h. Também durante esse período será realizada a Feira de Empregos e Capacitação.

A partir das 10h começarão os painéis de debate, oficinas que poderão ser conferidas em nosso site www.forumculturamaisdiveraidade.org Festival Literário ‘Rio Diversidade’, que vai rolar o dia todo até às 17h.

Na terça, dia 28, o evento começa com a Mesa de Abertura que vai até às 11h. Depois terão diversos painéis ao longo do dia. Confira a lista abaixo:

11h às 12h15: Painel 1 – Inovação e diversidade como ferramenta de transformação.

Reunindo representantes de entidades e empresas ligadas às áreas de inovação e tecnologia, este painel vai debater de que maneira estratégias de inclusão podem ser poderosas ferramentas na contribuição para um mundo cada vez mais conectado e plural.

14h às 15h30: Painel 2 – A diversidade na construção dos Destinos e como fator de estímulo ao Turismo.

Neste painel vamos apresentar iniciativas de entidades e agentes diversos que, pelo olhar e ações de acolhimento e apoio à projetos voltados à qualificação do setor com foco na diversidade, estimulam ambientes e relações mais acolhedoras, promovendo melhores destinos e entregas no campo do Turismo.

15h30 às 17h: Painel 3 – Da Geração Z aos 50+ – desafios e oportunidades da intergeracionalidade.

A Geração Z (nascidos entre 1995 e 2010) vêm provocando grandes transformações num mercado de trabalho em que a expectativa de tempo de serviço aumenta cada vez mais. Este painel vai debater as principais características deste mercado intergeracional, marcado por profissionais engajados em pautas sociais e de sustentabilidade, integrando experiência e maior habilidade com tecnologia, e o papel das empresas na atração e retenção destes talentos.

No dia 29, quarta-feira, o evento retorna com mais uma maratona de painéis:

10h às 12h: Painel 4 – Combate ao Bullying e outros desafios para uma educação inclusiva.

Neste painel vamos apresentar a importância da educação inclusiva no combate ao bullying e da implementação do ensino afro-indígena na rede escolar, debater os desafios enfrentados pelos profissionais de ensino e o que pode ser feito para evitar o crescente número de ataques ocorridos nas escolas.

Este painel se divide em duas etapas:
Etapa 1 – Das 10h às 11h – Combate ao preconceito na primeira infância
Etapa 2 – Das 11h às 12h – Como atuar na conscientização de jovens e adultos?

14h às 15h30: Painel 5 – Visibilidade e potência.

Este painel vai reunir importantes expressões das causas sociais e da diversidade que jogam luz sobre segmentos constantemente invisibilizados da sociedade, apresentando suas experiências de vida e de trabalho como potências inspiradoras.

15h30 às 17h: Painel 6 – Transversalidade inclusiva: Estratégias de integração dos pilares da diversidade.

Um painel que representa o nosso Fórum, de grande complexidade e provocação, este painel vai reunir representantes do movimento negro, da comunidade LGBTQIA+, das pessoas com deficiência, da diversidade etária, povos diversos, de gênero e demais segmentos inclusivos para traçarem estratégias de integração dessas causas, apostando na transversalidade como valor.

Também terá a Sala Multiuso com diversas oficinas:

Dia 28/11 – Terça-feira
11h às 12h: Oficina 1 – Autismo na Idade Adulta
13h às 14h: Stand-up Comedy: Como superar, inovar e construir
14h às 15h: Roda de Conversa – Da Exclusão à valorização: A jornada das pessoas com deficiência rumo à empregabilidade
15h às 16h: Oficina 2 – Tecnologia na palma das mãos para idosos
16h às 17h: Oficina 3 – Etarismo e as dificuldades na empregabilidade dos idosos

Dia 29/11- Quarta-feira
10h às 12h: A importância do autoconhecimento na formação de novos líderes geracionais.

Roda de conversa com a consultoria de gestão da intergeracionalidade Pontes & Conexões.

A ação ‘Cultura Maker – Meninas Pretas das Favelas na Ciência, Tecnologia e Robótica’ funcionará nos dois dias de evento. Contará com palestras, oficinas, workshops e espaço de conhecimento. Funcionará das 10h às 17h30, nos dias 28 e 29 de novembro. Consulte toda programação da ação no site oficial: www.culturamaker.org.br
 
Serviço

Evento:Fórum ‘Cultura+Diversidade 2023.
Dias 28 e 29 de novembro.
Horário: 10h
Endereço: Biblioteca Parque Estadual, na Av. Pres. Vargas, 1261, centro do Rio.

Inscrições: https://www.sympla.com.br/evento/forum-cultura-diversidade/2250565?share_id=copiarlink

Rodrigo Teixeira

Repórter com mais de 13 anos de carreira. Formado em jornalismo pela Estácio de Sá e pós graduado em Metodologia do Ensino Superior pela Escola do Legislativo do Estado do Rio de Janeiro (Elerj). Com experiência em diversos segmentos do jornalismo, entre eles, no meio corporativo, artístico, e no poder público. Com passagem pelas redações dos maiores portais de internet do país, inclusive á produziu conteúdo para o portal iG. Experiência de gestão, redação e projetos especiais para o on-line dos Jornais O Dia e Meia Hora. Web Repórter da Rede TV, na sucursal do Rio de Janeiro e correspondente do programa "Tô na Fama", da Rede TV do Tocantins.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo