NoticiasTelevisão

Conheça os vencedores do Prêmio Band Cidades Excelentes 2023 no estado de São Paulo

O Prêmio Band Cidades Excelentes anunciou nesse domingo (12) os 21 vencedores do estado de São Paulo. O evento, realizado no principal estúdio da emissora, em São Paulo, foi apresentado pelos jornalistas Adriana Araújo e Marco Antonio Sabino com transmissão ao vivo no YouTube. A exibição na TV aberta está marcada para o dia 19 de novembro, à meia-noite, na Band São Paulo.

O encontro contou com a presença de João Saad, presidente do Grupo Bandeirantes de Comunicação; Raimundo Godoy, presidente executivo do Instituto Aquila; Ricardo Nunes, prefeito de São Paulo; Gilberto Kassab, Secretário de Governo e Relações Institucionais do estado de São Paulo; Sidney Beraldo, presidente do Tribunal de Contas do Estado de São Paulo; além de prefeitos, secretários e assessores das cidades classificadas.

A iniciativa é uma parceria do Grupo Bandeirantes de Comunicação e do Instituto Aquila e tem o objetivo de transformar a realidade dos 5.570 municípios brasileiros. O instrumento empregado na avaliação é o Índice de Gestão Municipal Aquila (IGMA), que utiliza conceitos de big data e reúne as informações públicas mais atualizadas de todas as cidades do país, bem como projetos enviados pelas próprias prefeituras através do site oficial. A plataforma é estruturada com base em Inteligência Artificial que, a partir de algoritmos, consolidam os resultados de 67 indicadores em uma única nota final.

“Essa premiação é exatamente para homenagear e aplaudir de pé os nossos gestores, para que cada um queira melhorar e atingir um número mais alto em cada índice ano a ano. É uma disputa saudável, onde estamos competindo para progredir e transformar. Esperamos que todos os vencedores sirvam de exemplo para outros prefeitos”, afirmou João Saad.

Presidente do Instituto Aquila, Raimundo Godoy também reforçou a importância do prêmio. “A plataforma trouxe muitas novidades. Começamos na primeira edição com 39 indicadores e hoje são 67. Também introduzimos o pilar de Sustentabilidade. Isso significa um ciclo virtuoso de desenvolvimento humano fazendo com que, de fato, o cidadão perceba os avanços da sua cidade”.

Os indicadores são construídos a partir de seis pilares: Governança, Eficiência Fiscal e Transparência; Educação; Saúde e Bem-Estar; Infraestrutura e Mobilidade Urbana; Sustentabilidade e Desenvolvimento Socioeconômico e Ordem Pública. Para cada pilar, os municípios são separados em três categorias de avaliação, de acordo com o tamanho da população local: menor ou igual a 30 mil habitantes, entre 30 mil e 100 mil habitantes e acima de 100 mil habitantes. Além dos ganhadores por pilar, houve ainda o grande vencedor estadual em cada grupo populacional. “O Prêmio Band Cidades Excelentes traz uma enorme credibilidade para os gestores. É importante, nós prefeitos, podermos estar aqui e darmos incentivos uns aos outros com o objetivo de prestar o melhor serviço aos cidadãos”, ressaltou Ricardo Nunes, prefeito de São Paulo. 

Conheça os vencedores:

Prêmio Principal – IGMA Geral – Cidade Excelente

·       Menor que 30 mil habitantes: Águas de São Pedro

·       Entre 30 mil e 100 mil habitantes: Jaguariúna

.       Acima de 100 mil habitantes: Botucatu       

Governança, Eficiência Fiscal e Transparência

·        Menor que 30 mil habitantes: Cajati

·        Entre 30 mil e 100 mil habitantes: Votuporanga

.        Acima de 100 mil habitantes: Botucatu

Educação

·        Menor que 30 mil habitantes: Itajobi

·        Entre 30 mil e 100 mil habitantes: Jaguariúna

·        Acima de 100 mil habitantes: Botucatu

Saúde e Bem-Estar

·        Menor que 30 mil habitantes: Estrela d’Oeste

·        Entre 30 mil e 100 mil habitantes: Votuporanga

.        Acima de 100 mil habitantes: Botucatu

Infraestrutura e Mobilidade Urbana

·        Menor que 30 mil habitantes: Holambra

·        Entre 30 mil e 100 mil habitantes: Louveira

.        Acima de 100 mil habitantes: Botucatu

Sustentabilidade

·        Menor que 30 mil habitantes: Restinga

·        Entre 30 mil e 100 mil habitantes: Registro

.        Acima de 100 mil habitantes: Santo André

Desenvolvimento Socioeconômico e Ordem Pública

·        Menor que 30 mil habitantes: Gavião Peixoto

·        Entre 30 mil e 100 mil habitantes: São Joaquim da Barra

.        Acima de 100 mil habitantes: Sorocaba

Os 1.327 projetos recebidos neste ano foram avaliados pela Mandatum Consultoria. O Tribunal de Contas do Estado de São Paulo (TCESP) forneceu acesso aos dados e informações de natureza pública referentes aos 644 municípios fiscalizados. O prêmio conta ainda com auditoria externa feita pela empresa BDO Brazil.

A etapa nacional está marcada para o dia 11 de dezembro no Centro Cultural Banco do Brasil, em Brasília (DF). Na ocasião, serão reveladas as melhores cidades do país em cada pilar, considerando cinco categorias populacionais: menor ou igual a 30 mil habitantes; entre 30 mil e 100 mil habitantes; entre 100 mil e 500 mil habitantes; acima de 500 mil habitantes e capitais.

Thiaggo Camilo - @thiaggocamilo

Jornalista e assessor de imprensa. Foi jurado do quadro musical do programa Mais Show com Danny Pink na Rede Vida. Colunista do Tô Na Fama!, portal parceiro de conteúdo do IG. Atualmente está a frente da sua agência de comunicação e licenciamento. Redes sociais @thiaggocamilo | @thiaggocamilopress

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo