Música

Em Los Angeles, YOHAN comemora 1 milhão de plays no álbum “Arrasany 3.0”

Artista está preparando novo projeto ao mesmo tempo que comercializa NFTs das capas do projeto em prol da conservação e desenvolvimento da Amazônia.

Link de compras NFTs: https://bit.ly/arrasany30nft

Após temporada no Brasil lançando seu terceiro álbum de carreira, o “Arrasany 3.0”, YOHAN (Yohan Tanaka) está de volta a Los Angeles, na Califórnia, para produzir seu próximo projeto. De lá, o artista comemora a chegada do 1 milhão de plays no projeto, além de continuar divulgando as vendas de seis NFTs exclusivas que terão parte do lucro revertido a conservação e desenvolvimento da Amazônia através de parceria com o Idesam (Instituto de Conservação e Desenvolvimento Sustentável da Amazônia) . As vendas estão disponíveis através do market place OpenSea.

“Eu estou muito feliz em finalmente ter um álbum que atinge mais de 1 milhão de plays e visualizações unindo as principais formas digitais. Em um mundo aonde os números contam mais do que qualidade, história e processo, 1 milhão pra mim é uma verdadeira conquista”, comemora o artista.

O álbum, que contém seis faixas, é uma extensão de seu primeiro projeto lançado em português “Arrasany”, de 2020. “Desde o início eu quis criar um disco que representasse a minha volta ao Brasil. Fui atrás da nossa diversidade artística, dos inúmeros ritmos regionais e da estética tropical. Eu misturei toda essa riqueza cultural junto com a minha personalidade pop, minhas referências mundanas e toda minha bagagem na arte. Assim nasceu o álbum ‘Arrasany’. ‘Arrasany 3.0’ é o irmão gêmeo que demorou pra nascer! “3.0” além de significar a entrada de uma nova década pra mim como Yohan Tanaka, também define a identidade visual do projeto: vivemos na “web 2.0”, porém com a pandemia e o avanço abrupto da internet e da era digital, começamos a ser apresentados à “web 3.0” (Criptomoedas, NFTs, Metaversos). Nesses últimos 2 anos, eu mergulhei de cabeça nesse novo mundo e comecei a investir. Descobri novos horizontes, oportunidades e desafios! ‘Arrasany 3.0’ é o meu Metaverso em forma de música, arte, tecnologia e crítica sócio-ambiental”, explica.

“Atualmente estou em LA (Los Angeles) compondo músicas para o meu novo álbum. Essa é a segunda vez que venho pra cá, vai me inspirar! Está virando um must! E eu espero poder lançar pelo menos alguns singles da próxima era já em agosto. Eu não quero falar muito ainda pois estamos em processo de criação e desenvolvimento porém posso adiantar que vai ter muito funk porém um funk dançante com Letras sensuais, sexuais e também românticas!”, finaliza.

Vendas NFTs

As NFTs exclusivas foram criadas a partir das capas dos singles do álbum “Arrasany 3.0” do artista. Estas capas simbolizam os recursos naturais, a biodiversidade e a fauna brasileira, além dos problemas ambientais divulgados diariamente como as queimadas, o desmatamento, o garimpo, entre outros. “Pensei as capas do meu projeto para que elas representassem uma Amazônia pós apocalíptica, em um futuro tecnológico em que os mundos físico e digital se encontram”, explica YOHAN.

Após o lançamento do projeto musical, o artista transformou estes materiais em NFTs. Assim, as capas estáticas foram transformadas em animação que conta ainda com um snippet (pedaço da música em looping) de cada faixa. 30% das primeiras vendas de cada NFT serão doados para o Idesam. Os outros 70% serão utilizados para cobrir custos de criação e divulgação dos NFTs.

“Além disso, com o poder da tecnologia e da blockchain, os NFTs podem ser revendidos a terceiros infinitamente. Sendo assim, a cada revenda, 2.5% do valor que o NFT for revendido será doado automaticamente via criptomoeda para o Idesam, de forma vitalícia ou até que o marketplace OpenSea continue suas atividades”, completa o artista.

O preço inicial de cada NFT será de 0.53 ETH, cerca de R$5.000,00 na cotação atual das criptomoedas Etherum.

Sobre YOHAN

Bisneto de japonês, YOHAN morou no Japão por mais de quinze anos onde foi de guia turístico a modelo. Seus dois primeiros álbuns “#PopLife” e “Arrasany” tiveram grandes sucessos levando o artista para grandes apresentações como a Parada LGBTQIA+ de SP, onde cantou para mais de 100 mil pessoas. Neste ano, o cantor lançou seu mais novo projeto “Arrasany 3.0” e, agora, transforma seu projeto em uma forma de ajudar a Amazônia com a venda de NFTs criadas a partir das capas dos singles.

Thiaggo Camilo - @thiaggocamilo

Jornalista e assessor de imprensa. Foi jurado do quadro musical do programa Mais Show com Danny Pink na Rede Vida. Colunista do Tô Na Fama!, portal parceiro de conteúdo do IG. Atualmente está a frente da sua agência de comunicação e licenciamento. Redes sociais @thiaggocamilo | @thiaggocamilopress

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo