Celebridades

Morre a atriz Aracy Balabanian

Morreu hoje, aos 83 anos, Aracy Balabanian, uma das atrizes mais marcantes da história da televisão brasileira. Aracy estava internada na Clínica São Vicente, no Rio de Janeiro, e não resistiu às complicações por conta de um câncer. Em homenagem à atriz, a TV Globo exibe hoje, na Sessão da Tarde, “Sai de Baixo – O filme”. As homenagens também acontecerão durante o Criança Esperança e o Conversa com Bial reexibe entrevista feita com a atriz.

Filha caçula de sete filhos de um casal armênio, nascida em Campo Grande, no Mato Grosso do Sul, aos 18 anos fez vestibular e passou para a Escola de Arte Dramática de São Paulo e para Ciências Sociais, na USP – este por desejo do pai. Foi aprovada em ambas, mas no terceiro ano de curso decidiu apostar definitivamente no sonho de ser atriz e passou a se dedicar de forma exclusiva ao teatro. No início da década de 50 do século passado, quando uma adolescente dizia para a família que queria ser atriz era, muitas vezes, recriminada. Mas a paixão pela arte falou mais alto. Com pouco mais de 60 anos de carreira, Aracy deixa uma biografia de peso para a arte brasileira. No total, foram 28 novelas, e diversas minisséries, seriados e especiais na Globo. A estreia foi em 1972, em ‘O Primeiro Amor’. No ano seguinte, Gabriela, do infantil ‘Vila Sésamo’, foi a personagem que a fez despontar na carreira.

Aracy Balabanian não tinha filhos, mas o papel de matriarca foi um de seus personagens inesquecíveis. O trio Geraldo, Gerson e Gino deu tanto trabalho para Dona Armênia em ‘Rainha da Sucata’, em 1990, que eles voltaram dois anos depois em outra novela, ‘Deus nos Acuda’. O bordão “Na Chon” imortalizou a personagem, que era homenagem às origens da atriz e acabou sendo uma das mais carismáticas de sua carreira. 

Em popularidade, a socialite decadente Cassandra, de ‘Sai de Baixo’, foi outro marco na carreira de Aracy. Por seis anos, os domingos só acabavam depois do programa. Ali, estavam misturadas as duas paixões da atriz: o teatro e a TV. A gravação ocorria diante de uma plateia, com direito a improvisos e as memoráveis risadas de Aracy, que muitas vezes não conseguia se controlar com as piadas dos companheiros de cena. Seu último trabalho na emissora aconteceu em 2019, no especial de fim de ano ‘Juntos a Magia Acontece’, quando interpretou Dona Rosa. 

Thiaggo Camilo - @thiaggocamilo

Jornalista e assessor de imprensa. Foi jurado do quadro musical do programa Mais Show com Danny Pink na Rede Vida. Colunista do Tô Na Fama!, portal parceiro de conteúdo do IG. Atualmente está a frente da sua agência de comunicação e licenciamento. Redes sociais @thiaggocamilo | @thiaggocamilopress

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo