NoticiasTelevisão

‘Profissão Repórter’ completa 18 anos e estreia nova temporada

O programa que revela os bastidores da notícia completa sua maioridade em 2024. Há 18 anos, o ‘Profissão Repórter’ acompanha os principais acontecimentos do país, com jornalistas sempre imersos no front para contar ao público as histórias mais relevantes. Na próxima terça-feira, dia 13, Caco Barcellos e sua equipe de repórteres dão início à nova temporada do programa na maior festa popular do Brasil. “Vamos mostrar os artistas do carnaval, como é o trabalho das pessoas diretamente envolvidas nas festas. Pessoas que cruzam o país para fazer o carnaval do Rio acontecer, por exemplo. Anônimos que colocam a mão na massa, que não aparecem, mas a gente tenta iluminar. Também fomos a Olinda e São Paulo, onde estão os maiores blocos do Brasil”, conta Caco.

No Rio de Janeiro, Caco Barcellos e a repórter cinematográfica Gabi Vilaça conhecem a história do casal de ferreiros Duiler Picancio e Adaleia Pereira que trabalham para escolas do Grupo de Acesso. Eles são de Parintins, no Amazonas, onde fazem o mesmo trabalho no festival folclórico do Boi Garantido e do Boi Caprichoso. São quatro meses de preparativos por ano, longe dos 18 filhos que ficam por lá. Além de fabricar as ferragens que dão sustentação e movimento aos carros alegóricos, o casal também participa dos desfiles, operando as máquinas que constroem.

Em São Paulo, o repórter Pedro Marum mostra os bastidores do maior bloco de carnaval de rua, que reúne um milhão de foliões e centenas de profissionais: o Acadêmicos do Baixo Augusta. Ele acompanha a rotina do professor de biologia Marcos Aurélio Kazan, que trabalha no carnaval paulista desde 2002 e lidera a produção do bloco desde a madrugada, quando chegam os primeiros trios à Rua da Consolação, até o final do desfile, na Praça Roosevelt, no centro de São Paulo. Os desafios de quem coloca o bloco na rua vão desde a segurança das pessoas até a minuciosa cronometragem do tempo de deslocamento da multidão. Outro desafio de Marcos é conciliar a vida na sala de aula com a agenda do carnaval. “É uma coisa que eu gosto demais, é um momento que as pessoas se divertem. Carnaval também é resistência”, diz o professor.

O carnaval de São Paulo vive uma crescente agitação de blocos de rua. Um movimento que completa 15 anos e atrai cada vez mais pessoas para a capital paulista. Os repórteres Thiago Jock e Sara Pavani acompanham o trio elétrico de Alceu “Bicho Maluco Beleza”, que reúne uma multidão ao lado do Parque do Ibirapuera. Cantor, compositor e bacharel em direito, Alceu se interessa por diferentes aspectos do evento. “Eu tenho estudado muito sobre economia criativa, essas barracas, os vendedores ambulantes, o motorista do trio, a equipe técnica, uma festa como essa aquece demais a economia, emprega muita gente. O Brasil tem tudo para ser um dos principais destinos turísticos do mundo”, ressalta Alceu.

Já o repórter André Neves Sampaio e o repórter cinematográfico Alex Gomes acompanham os últimos preparativos para o desfile do bloco “O Homem da Meia-Noite”, que acontece em Olinda, Pernambuco, no sábado de carnaval. O cortejo reúne cerca de 500 mil pessoas todos os anos e carrega a mística por trás do Homem da Meia-Noite. Com 92 anos de tradição, “O Homem” tem vida, segundo Luiz Adolpho, diretor do bloco. “O desfile do Homem da Meia-Noite é igual a uma cerimônia religiosa. As pessoas choram, se emocionam. É histórico e emocionante. Um patrimônio do Pernambuco! Ele é eterno e nós somos passageiros”, diz Adolpho. Quatro homens se revezam para levar o boneco no cortejo.

A nova temporada do ‘Profissão Repórter’ estreia na próxima terça-feira, dia 13, logo após o ‘Big Brother Brasil’.

Thiaggo Camilo - @thiaggocamilo

Jornalista e assessor de imprensa. Foi jurado do quadro musical do programa Mais Show com Danny Pink na Rede Vida. Colunista do Tô Na Fama!, portal parceiro de conteúdo do IG. Atualmente está a frente da sua agência de comunicação e licenciamento. Redes sociais @thiaggocamilo | @thiaggocamilopress

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo