Famosos

Viih Tube rescinde contrato com plataforma de apostas em meio a escândalo investigado pelo Fantástico

Revelações nos bastidores: Influenciadora é convocada para depor, desfaz parceria e denuncia práticas suspeitas da Blazer

Após denúncias veiculadas no Fantástico, Viih Tube optou por quebrar o silêncio sobre seu envolvimento com a plataforma de apostas Blazer.

A empresa, que anteriormente contava com a promoção de diversos influenciadores, incluindo a ex-BBB, agora está sob intensa investigação policial. Viih Tube utilizou suas redes sociais para compartilhar detalhes dos bastidores, esclarecendo sua decisão de romper o contrato com a Blaze.

Em vídeos nos stories, ela admitiu sua responsabilidade na divulgação da marca, revelando que a pressão dos seguidores e a convocação para depor na delegacia foram fatores determinantes para sua decisão.

A ex-participante do Big Brother Brasil explicou a angústia que a levou a rescindir o contrato, destacando que o processo de desvinculação iniciou em novembro e só foi finalizado recentemente.

O depoimento na polícia, relacionado a investigações sobre a Blazer, intensificou sua busca pela liberação contratual. No próximo domingo, a Globo apresentará uma investigação detalhada sobre a Blazer, empresa de apostas que conquistou notoriedade envolvendo artistas, jogadores de futebol e influenciadores.

A plataforma, antes amplamente divulgada, agora enfrenta suspeitas de práticas fraudulentas, sendo alvo de uma rigorosa análise por parte das autoridades policiais.

Emiliano Macedo

Emiliano Macedo - Jornalista com 20 anos de carreira. Já atuou como produtor, repórter e editor de textos nas emissoras RedeTV (Rio), Globo (TV Rio Sul), Band (Rio) e SBT. Em rádios, passou pela Sociedade 104,1 FM e Band FM 94,9. Também já escreveu para os portais "A Gazeta", G1, GE e GShow. Nos Estados Unidos, trabalhou como redator na sede da Norwegian International, em Miami.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo