Treta Show - Por Ricardo Rigel
Tendência

Festival Viva Zumbi celebra a cultura negra em Niterói

Neste domingo (17), o Caminho Niemeyer, em Niterói, foi palco do Viva Zumbi, o maior festival de cultura negra do Estado do Rio de Janeiro, que atraiu um público entusiasmado para uma programação repleta de arte, música, e debates. Organizado pelo Instituto Casa da Utopia, com apoio da Prefeitura de Niterói, o evento chegou à sua 15ª edição, celebrando a resistência e a riqueza da cultura afro-brasileira.

A idealizadora do evento, Deputada Estadual Verônica Lima, destacou a importância do festival para as pautas sociais e a luta pela cidadania plena. Este ano, o Viva Zumbi trouxe à tona discussões sobre “racismo ambiental”, destacando as intersecções entre políticas ambientais, desastres naturais e comunidades negras e periféricas.

Deputada Estadual Verônica Lima, idealizadora do evento / Foto: Jan Carneiro
Deputada Estadual Verônica Lima, idealizadora do evento / Foto: Jan Carneiro

O festival foi uma explosão de cultura e arte, com apresentações de capoeira, debates enriquecedores, uma deliciosa feijoada e tendas temáticas oferecendo oficinas variadas. A organizadora Rebecca Vieira ressaltou que o Viva Zumbi é um espaço de celebração e também de luta, reafirmando a força e a beleza da comunidade negra.

Rebecca Vieira, organizadora do Viva Zumbi
Rebecca Vieira, organizadora do Viva Zumbi

As grandes atrações musicais da noite foram o cantor Xande de Pilares e o rapper BK, que encantaram o público com suas performances. Xande expressou seu orgulho em participar de um evento tão significativo para a cultura negra, enquanto BK levou ao palco sucessos de sua carreira e novas canções do álbum “ICARUS”, reforçando sua conexão com os fãs.

Além dos headliners, a Escola de Samba Grande Rio, DJ Tamy, Awure e outros artistas locais também subiram ao palco, criando um ambiente vibrante e repleto de talento.

O Viva Zumbi provou ser mais do que um festival; foi uma reunião poderosa e um quilombo moderno de diversidade, beleza e resistência negra. Com entrada franca, o evento também se dedicou a uma causa nobre, arrecadando doações de alimentos não-perecíveis para ajudar a comunidade. A união de festa, cultura e conscientização fez do Viva Zumbi um marco importante para Niterói e para o Estado do Rio de Janeiro.

Treta Show - Por Ricardo Rigel

Ricardo Rigel começou a carreira em 2008 como repórter no Jornal O Fluminense. Foi um dos vencedores do Prêmio SBPT/Pfizer Jornalismo em Saúde (2013). Tem passagem pelo portal UOL e Revista Caras, e, entre os anos de 2013 e 2020 atuou nos jornais O Globo, Revista Época e Jornal Extra, com projetos especiais para as redes sociais. É criador do Treta Show, uma curadoria de memes e notícias sobre famosos e influencers.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo